Confira as principais tendências para o verão 2018 apresentadas pela Vicunha Têxtil | We Fashion Trends
Estilo Moda Tendência Verão

Confira as principais tendências para o verão 2018 apresentadas pela Vicunha Têxtil

17 de novembro de 2016

tendencias-verao-2018-vicunha

Diante de um mundo em constante transformação, as tendências para o Verão 2018 sugerem uma estação ainda mais plural e consciente. A moda passa a incorporar a sustentabilidade dos universos social e ecológico, e o resgate histórico é extremamente importante para a criação do futuro.

O jeanswear acompanha esse mix de referências e múltiplas influências com interpretações contemporâneas e ousadas, valorizando o conforto, a tecnologia e a autenticidade. Confira abaixo as tendências e inspirações para a próxima temporada!

OPEN SEA

tendencias-verao-2018



O papel das navegações na cultura humana tem sido muito importante ao longo da história. Séculos se passaram e, ainda hoje, o fascínio pelo mar continua a provocar o homem. A possibilidade de estar em contato com a natureza, de embarcar para o novo e diferente, ampliar horizontes, é estimulante. Ancorada nesse conceito, Open Sea se inspira na relação entre culturas e oceanos e sugere um elegante estilo folk global, com referências de vários mundos. As criações transmitem uma estética delicada, eclética e refinada.

SHAPES

O estilo da tendência, que traz uma atmosfera romântica e tropical, exibe looks elegantes que unem o refinado ao rústico, o exótico ao minimal. Para as mulheres, shapes longos e fluidos, em vestidos decotados e saias transpassadas, são elaborados em camadas, sugerindo sensualidade e frescor.

Formas clássicas do jeanswear, como a jaqueta trucker, aparecem em volumes amplos. Destaque também para as pantalonas clochard com cintura alta e marcada. A influência de silhuetas inspiradas no oriente, como quimono e saruel, mostram-se presentes nos shapes do universo masculino. Fechamentos com cordas dão um ar workwear a blusas e camisas amplas. Também para os homens, alfaiataria ganha abordagem fresh, com blazers ajustados e calças com cintura alta, volume amplo e sutil afunilamento nas pernas.

TECIDOS

Fibras naturais, superfícies brilhantes, toque macio, leveza e fluidez são as principais características dos tecidos. No denim, conforto e bem-estar são essenciais, trazendo artigos com alto stretch, que permitem flexibilidade e liberdade de movimento.

Bases nobres de gramaturas leves aparecem em superfícies lisas e maquinetadas, com desenhos de espinha de peixe e favo de mel. Composições de fibras vão das naturais às mais tecnológicas, com propriedades que potencializam a respirabilidade. No brim, artigos elaborados com algodão e viscose impõem nobreza e toque rústico. Destaque para opções que trazem bases semelhantes ao linho e as que preservam um aspecto natural, com casquinhas de fibras aparentes.

LAVAGENS E SUPERFÍCIES

Inspirados em elementos do céu e do mar, os tecidos são suavemente lavados ou coloridos em tons que remetem a esse universo. Os trabalhos de superfície exploram aplicações em estilo artesanal, como aviamentos e detalhes desfiados que reforçam o estilo navy e relaxed da trend.

No denim, o oceano inspira a exploração de todas as nuances de índigo, do raw ao mid blue até o délavé. Os azuis são trabalhados em um aspecto clean, em visual limpo ou delicadamente manchado. Efeitos de desgaste, como puídos e rebolos dão um toque rústico e vintage. No brim, a cartela de cores transita entre tons suaves e neutros. Os artigos trazem bordados delicados, com linhas irregulares e orgânicas que remetem às paisagens marítimas e transmitem uma sensação de harmonia.

BIO SOCIETY

tendencias-para-o-verao-2018

A exploração desenfreada da natureza e a globalização que desenraiza as culturas e tradições são questões que nos levam à reflexão. Neste momento, repensar a lógica do consumo e agir com equilíbrio são palavras de ordem. Este novo movimento sugere a volta ao campo e à reconexão com as raízes, valorizando o rural, o tradicional e as criações de produtos locais e com história.

A moda dialoga com essa concepção de vida e prioriza o básico atualizado. Em uma estética romântica e sofisticada, a tendência passeia livremente entre estilos, que combinam rusticidade e refinamento, referências vintage e modernas.

SHAPES

A tendência prioriza um visual clean e sofisticado, com destaque para silhuetas de formas limpas e design minimal. Inspirado nos anos 70, o mood utiliza a alfaiataria como principal abordagem. No universo feminino, a calça culotte ganha volume mais largo, comprimento cropped e fechamento entrelaçado.

Os tops recebem detalhes que transmitem romantismo e frescor, com ombros aparentes e mangas bufantes. Silhuetas impecáveis são vistas em pantalonas amplas, com cintura marcada e jaquetas cropped de manga longa. Destacam-se os blazers, com pespontos aparentes, e as camisas, que utilizam diferentes tipos de tecidos e detalhes em viés. Com uma proposta nova e chique, as calças, como bootcut e baggy, são as principais apostas. Shorts curtos e alfaiatados também aparecem com força total e complementam as coleções.

TECIDOS

Natureza e sustentabilidade são os fatores mais importantes, tendo o raw denim como principal escolha. Compostos por fibras naturais ou fios reciclados, os tecidos fazem alusão à ecologia, ao bem-estar e ao consumo consciente. No denim, bases leves em 100% algodão e com efeitos maquinetados, elaborados em padrões gráficos, dão o clima vintage e campestre.

Tecidos nobres, rígidos e com tingimentos especiais aparecem em superfícies estruturadas e construções bem marcadas. O caráter rústico e sofisticado é complementado por bases com super stretch que atendem à necessidade de conforto e movimento. No brim, bases leves transmitem o clima delicado e fresh da tendência. Destaque para tecidos com composições 100% viscose, que apresentam toques incrivelmente macios, quanto em opções elaboradas com 100% algodão e superfícies que remetem ao linho.

LAVAGENS E SUPERFÍCIES

Tendo a delicadeza como essência, tonalidades claras e estampas delicadas inspiradas na natureza se destacam. No denim, clareados suaves revelam azuis médios, que podem ser utilizados com manchados sutis. Para dar um toque retrô e chic, são combinados a leves marcações de costura, puídos e patches localizados.

O clima nostálgico e romântico é interpretado por uma cartela de cores que harmoniza matizes frescas e suaves, tonalidades clássicas e neutras. No brim, flores e texturas acrescentam alegria e frescor ao mood, em pequenas estampas com padrões estilo liberty. O toque relaxed e workwear é reforçado em intervenções de recortes, como patches trabalhados em ton sur ton.

BUZZY DISRUPT

buzzy-disrupt-tendencia-verao-2018

Em um mundo onde muita gente tenta exibir sua melhor versão para conquistar amigos e seguidores, admitir a imperfeição e rir de si mesmo é um ato de coragem e autenticidade. Esse lifestyle é feito sob medida para os ousados e despretensiosos que reconhecem que a vida fica mais colorida quando se utiliza de humor e se foge dos padrões.

A moda reflete esse estado de espírito em uma atitude transgressora, animada e urbana.  A tendência mistura influências de universos distintos como o dos skatistas e dos executivos, assim como a união de elementos masculinos e femininos.

SHAPES

A tendência reforça que o easy to wear pode ser autêntico e diferenciado. O conceito de upcycling continua a ser referência forte para a moda, e as criações exprimem o estilo utilizando a junção de variadas formas e materiais com pegada streetwear.

Para as mulheres, shapes clássicos do jeanswear, como coletes, jaquetas e calças, são reconfigurados e ganham um toque de romantismo, divertido e leve. Inspiradas nas caracterizações do streetwear, as referências masculinas apresentam pegada levemente rebelde. A clássica trucker recebe proporções exageradas, como volumes overzized e mangas extremamente compridas.

TECIDOS

Do conforto ao super elástico, o stretch é essencial para as criações no denim, que prezam por liberdade de movimento. O clima streetwear recebe a contribuição de opções com estruturas rígidas e gramaturas variadas, das médias às mais pesadas.

No brim, o destaque fica por conta de tecidos que apresentam o lado direito com aspecto natural do algodão, na cor crua, e avesso em uma cartela candy. No contexto da releitura de padrões preestabelecidos, os clássicos itens de camisaria são amplamente explorados em bases delicadas, elaboradas com gramaturas leves, tanto rígidas quanto elastizadas, e superfícies flat.

LAVAGENS E SUPERFÍCIES

Lavagens e trabalhos de superfície entram no clima divertido da tendência e são manipulados em diferentes efeitos e processos, que revelam todos os tipos de tonalidades. No denim, o bloqueio de cor com formas geométricas é também composto por patches.

Nesse contexto, o inacabado e o destruído são valorizados. Rasgos e puídos manifestam-se em lugares não convencionais e junto a efeitos manchados, bigodes localizados e suaves dirty, criam um ar experimental, vintage e anárquico. No brim, tonalidades como o azul Oxford, rosa e branco são extremamente importantes e estampas tradicionais, como listras e desenhos geométricos delicados, as mais utilizadas.

Frases e escritos com dizeres de humor ácido são vistos em trabalhos de superfície, como impressões em silk ou bordados feitos à mão.

Z NATION

z-nation-tendencia-verao-2018

Nascido e criado em uma geração tecnológica, o jovem vive conectado no mundo. Música, esportes e games fazem parte da sua realidade e a moda deve ser decodificada em elementos que traduzam seu mood prático, esportivo, descontraído e plugado no futuro.

O lifestyle urbano e online ultrapassa fronteiras e está linkado constantemente a uma avalanche de energia, atitude e informação nessa tendência.

SHAPES

Os anos 90 e o mundo dos esportes radicais são as inspirações para a tendência que carrega um ar de futuro e tecnologia.  Energia e movimento são fundamentais para o mood, composto por roupas inspiradas em esportistas contemporâneos. As criações trazem o estilo athleisure como assinatura oficial e shapes que expressam dinamismo e muita atitude.

Para as mulheres, as produções combinam shapes extremamente justos, como tops estilo swimwear e bermudas ciclistas, a peças amplas como parkas e trakpants oversized. Para os homens, formas amplas e comprimentos alongados se propagam em peças inspiradas no universo gamer. O colorblock é fundamental, originando um visual geométrico e contribuindo para a estética enérgica e vibrante.

TECIDOS

Traduzindo o conceito da trend, o jeanswear conquista uma sinergia entre tecnologia e bem-estar. Flexibilidade e índices elevados de elasticidade são as principais características dos tecidos. No denim, stretch, toque ultramacio e perfeita recuperação são elementos primordiais para as criações que utilizam shapes justos ao corpo.

Artigos de alta performance, que se adaptam a variações climáticas, mantendo a pele sempre seca e arejada, surgem em gramaturas variadas, leves e intermediárias, e são as principais apostas. No brim, bases com acabamento resinado ou brilhante remetem ao universo esportivo e são essenciais para as criações. Destaque para sarjas que vão das rígidas e leves, àquelas com gramaturas de peso médio e elasticidade.

LAVAGENS E SUPERFÍCIES

No denim, o toque retrô-futurista da tendência é alcançado por superfícies que apresentam o contraste de texturas e pequenas manchas feitas com processos como acid wash e efeitos marbled. O jeanswear do mood é criado por uma estética plural, influenciada pelos universos active e sci-fi.

No brim, o visual colorblocking é trabalhado em contraste de cor, originando um visual geométrico e contribuindo para a estética enérgica e vibrante. O grafismo é cotado em estampas e intervenções, como o laser cut, complementando o mood com um ar tecnológico e sofisticado. Cores neutras, como preto, cinza e branco, são combinadas a tonalidades intensas e cheias de energia.

Você também vai gostar

Comente com o seu perfil do Facebook:



Pinterest