Holašovice na República Tcheca e seus encantos de arte Barroca | We Fashion Trends
Viagem

Holašovice na República Tcheca e seus encantos de arte Barroca

2 de março de 2017

Holašovice na República Checa

Vocês já ouviram falar de Holašovice na República Tcheca? Se ainda não ouviu, trate de pesquisar mais a respeito, pois esta charmosa cidadezinha esconde uma beleza incrível. Representante da arquitetura do “barroco rural ” dos séculos XVIII e XIX, o pequeno povoado de Holašovice soube conservar o seu aspecto antigo. Um belo lugar para conhecer durante uma viagem pelo sul da Bohemia.

Parece incrível, mas Holašovice conservou o mesmo número propriedades ao longo de seus 800 anos. Ainda hoje pode-se ver aqui casarios com fazendas e estábulos, um ferreiro ou mesmo duas fábricas de cerveja e uma pequena capela de São João Nepomuceno. A aldeia, no entanto, não é museu ao ar livre. A maioria das casas são habitadas e as pessoas locais organizam aqui uma série de eventos culturais, entre os quais o carnaval ou as Festas Rurais com uma feira da antiga Boêmia.

As origens desta cidade datam da Idade Média, quando colonos tchecos instalaram-se no sul da Bohemia durante o século XIII. No final deste século, o povoado foi presenteado ao Rei Venceslao II aos cistercienses de Vyšší Brod que o conservaram até meados do século XIX. Nesta região que era pantanosa e pouco habitada, foram construídas, pelas ordens monásticas, diversos viveiros para a piscicultura, principalmente para a criação de carpas.



Completamente afetada pela peste no século XVI, o povoado foi repovoado por cervos da Alemanha e Áustria. Como em todas as regiões de língua alemã na Bohemia, conhecidas por « sudetes » e incorporadas ao Reich em 1938, sua população foi expulsa em 1946 depois da Segunda Guerra Mundial e substituída por tchecos de outros lugares do país.

Holašovice

Atualmente, o povoado possui cerca de 130 habitantes. As 22 casas datam, na sua maioria, o fim do século XVIII e século XIX, principalmente os anos 1840-1880. Estas casas estão compostas por amplos edifícios retangulares, os quais formam três alas que se organizam nos arredores de um pátio central. As fachadas de formas variadas estão decoradas em estuque colorido, típicos do barroco rural do século XIX.

O povoado de Holašovice, nas proximidades de České Budějovice, pode ser visitado em qualquer época do ano.

Alguns pontos de interesses que você encontra por lá:

1. As fachadas das casas

holasovice república tcheca

O aspecto atual da aldeia é do século XIX quando acabou a servidão e os camponeses puderam começar a começar a reformar suas casas no estilo extravagante do “Barroco rústico ‘. Na praça, originalmente muito pobre, eles começaram a construir fachadas com ornamentos e detalhes trabalhados em várias cores, que hoje atraem visitantes de todo o mundo.

2. Levando mais do que apenas lembranças

Durante a visita a Holašovice não se pode deixar de ver a propriedade de número 6. No Pátio Rústico local pode-se ver como era a vida simples e como era o sistema de administração antes da segunda metade do século. Também vale a pena ver a oficina de cerâmica onde o visitante pode fazer, por exemplo, xícara , vaso, copo ou também placa com o seu nome ou o número da porta de sua casa, com motivos típicos do sul da Boêmia.

3. Mágico lugar da mitologia celta

Stonehenge de Holašovice

Quem gosta de locais com energia diferente tem que visitar o Stonehenge de Holašovice. Deste círculo de pedras, que está construído num local alto acima da aldeia se tem uma das mais belas vistas das redondezas. E pode ser vista não apenas a aldeia mas também a silhueta de um dos mais belos palácios tchecos em Hluboká nad Vltavou. E nas Festas do Solstício, o ambiente fica ainda mais especial.

4. O que mais?

castelo de Český Krumlov Holašovice

Holašovice não fica longe outro monumento da UNESCO: O castelo de Český Krumlov olha sobre o rio Moldava com seu teatro barroco único. É também adorável a atmosfera medieval da cidade.

Para saber mais informações sobre esse local encantador, visite: czechtourism.com



Você também vai gostar

Comente com o seu perfil do Facebook:



Sem Comentários

Comentários