Roteiros de viagens para quem é apaixonado por vinho | We Fashion Trends
Bebidas Viagem Vinho

Roteiros de viagens para quem é apaixonado por vinho

8 de novembro de 2016

roteiro-de-viagem-para-quem-ama-vinhos

Quem gosta de tomar um bom vinho já visitou, ou pelo menos deve ter vontade de conhecer, alguma vinícola mundo afora. Entre os vinhos mais famosos do mundo estão os italianos e franceses. Outro país que se destaca pela produção da bebida é os Estados Unidos, Chile e a Califórnia.

Se você pensa que a visita a vinícolas é interessante apenas para quem é entendido no assunto, talvez seja hora de se abrir para novas experiências, pois essa pode ser uma ótima oportunidade para aprender mais sobre vinhos, além de ser um passeio bastante interessante, tanto pela parte cultural e histórica, quanto pelas belezas naturais desses locais.

E é por isso que o enoturismo faz tanto sucesso. Então, se você está planejando a sua próxima viagem e ainda não sabe para onde ir, que tal se aventurar pela rota do vinho?

11 destinos de viagem para quem ama vinhos.

1. Toscana – Itália

toscana

Não tem como pensar em vinhos e não se lembrar da Itália. Por lá, são dezenas de vinícolas que intensificam a beleza da região. Se você está pensando em fazer algum asseio pela Toscana, saiba que a melhor época é durante o mês de setembro, e é preciso agendar a visita com antecedência. A maioria das vinícolas ficam próximas a cidades como Florença (capital da Toscana), Lucca, Siena e Pisa.

2. Bordeaux, – França

ca. 2006, St.-Emilion, France --- Vineyards near the town --- Image by © Grand Tour/Corbis

O principal destino de vinhos da França é Bordeaux, embora o país conte com produtores de vinhos em outras regiões cobiçadas pelos fãs de vinho como Champanhe, Alsácia, Ródano e Borgonha.

3. Califórnia – EUA

napa-valley

A região se orgulha pela grande variedade de uvas produzidas. São cerca de cem tipos cultivados nas 2.700 vinícolas do estado. A combinação de clima e solo faz da Califórnia um dos principais destinos do mundo para enólogos e amantes do vinho, atraindo cerca de 20 milhões de turistas todo ano. É a quarta maior produtora de vinho do mundo.



4. La Rioja – Espanha

la-rioja

A cidade de Haro, na província de La Rioja, realiza todo dia 29 de junho a “Batalla del Vino”, em que uma multidão trajando branco se reúne para uma guerra de vinho tinto. A batalha só termina quando todos estiverem encharcados e, provavelmente, bêbados. No restante do ano, a região se dedica à sua especialidade, a produção de vinhos.

5. Mendoza – Argentina

mendoza-argentina

A Argentina também tem diversas regiões onde os apaixonados por vinho se encontram. Mendoza, responsável por 80% da produção de vinho em todo o país, está entre as mais procuradas.
Aos pés das cordilheiras dos Andes, as vinícolas se encontram em três grandes regiões: Luján de Cuyo, Maipu e Valle de Uco, lá é possível participar de tours guiados e degustações. Mas se você quiser fazer um tour fora da rota dos turistas e conhecer outras vinícolas, vá para outros destinos como Valles Calchaquíes e Cafayate, na Província de Salta, onde vinícolas recepcionam os visitantes de porta aberta.

+ Composto do vinho pode impedir a síndrome do ovário policístico, segundo estudo

+ 7 lugares criativos para visitar em Berlim

+ 5 lugares com as vistas mais incríveis da Cidade do México

6. Marlborough – Nova Zelândia

marlborough-nova-zelandia

Umas das mais ensolaradas e secas regiões da Nova Zelândia é o lugar ideal para o cultivo das uvas Sauvignon Blanc. A combinação da fruta com métodos tradicionais de produção resultam em uma bebida fresca, com aroma frutado, e traços de ervas, garantindo reputação mundial.

7. Stellenbosh – África do Sul

stellenbosh-africa-do-sul

Stellenbosch recepciona os visitantes com diversas possibilidades de turismo para quem ama vinhos, e se você quiser fazer uma visita com degustação em vinícolas, saiba que são mais de 400 vinícolas à sua disposição.

8. Hunter Valley – Austrália

hunter-valley-australia

Só o lugar dos centenários vinhedos, produzindo vinho branco das uvas Semillon, que são considerados “presentes da Austrália para o mundo”, já valem a visita. Porém, principalmente durante a primavera, época mais produtiva para as uvas, as vinícolas e colinas da região abrem espaço para espetáculos de ópera e jazz ao ar livre, em diversos festivais. É ideal para fazer um piquenique acompanhado de um vinho da melhor qualidade.

9. Valle de Colchagua – Chile

valle-de-colchagua-chile

Um vale de 120 km por onde corre o rio Tinguiririca separando a Cordilheira dos Andes do Oceano Pacífico forma uma das mais importantes regiões vinícolas do mundo. Somente lá é possível degustar a Carmenère, espécie de uva trazida da França e que foi dizimada por uma praga em todo continente europeu. Guias levam os turistas para conhecer as melhores adegas.

10. Porto – Portugal

porto-portugal

O vinho do Porto é sem dúvidas o mais famoso entre os brasileiros. O destino já foi classificado como um dos dez melhores para enoturismo na Europa e continua agradando os turistas, onde é possível percorrer vinhedos e participar de tours guiados, como os de Ramos Pinto, tradicional produtora que trouxe seus rótulos para o Brasil, no início do século 20.

11. Serra Gaúcha – Brasil

serra-gaucha-brasil

O vinho movimenta o Vale dos Vinhedos, na Serra Gaúcha. As vinícolas se unem a charmosas construções históricas para criar roteiros inesquecíveis, capazes de conquistar principalmente os mais românticos. Em Bento Gonçalves, desde a igreja até o pórtico da cidade remetem à produção da bebida.

O Vale dos Vinhedos se faz conhecer por meio de degustações rápidas nas vinícolas e também nos passeios por construções centenárias, como os Caminhos de Pedra, que recupera a história da colonização do Brasil Imperial. É tanta paixão pela bebida que a região abriga até um hotel, em Gramado, onde é possível se hospedar em barris de vinho.

Você também vai gostar

Comente com o seu perfil do Facebook:



Pinterest