11 dicas para sua primeira viagem à China | We Fashion Trends
Ásia China Destinos Viagem

11 dicas para sua primeira viagem à China

18 de dezembro de 2019

xangai-a-noite

A China é um país fascinante, com séculos de história e cultura rica. Mas pode ser um choque cultural na sua primeira viagem! Em algum momento da sua visita, você terá que lidar com poluição atmosférica, pauzinhos e burocracia do governo. Mantenha-se informado e esteja preparado, e você terá férias sem estresse.

O QUE ESPERAR

  • Idioma: o idioma oficial da China é o mandarim. No entanto, os linguistas acreditam que existem mais de 300 dialetos falados no país!
  • Moeda: a moeda na China é o Renminbi. 1 CNY é equivalente a 0,57 Reais.
  • Cartões de crédito e caixas eletrônicos: fora das principais cidades, a China ainda é uma economia baseada em dinheiro. No entanto, se você estiver visitando uma cidade grande como Shangai ou Pequim, não deverá ter problemas ao usar seu cartão. Se você precisar sacar dinheiro, encontre um Banco da China, o Merchant Bank da China ou o ICBC. Esses bancos são conhecidos por serem amigáveis com cartões estrangeiros. Se você possui um cartão American Express, provavelmente não encontrará um caixa eletrônico que aceite o cartão.
  • Plugues: Os plugues na China são A, C e I. A tensão padrão é 220 V e a frequência padrão é 50Hz. Eu recomendo comprar um adaptador universal  (verifique se ele possui proteção contra sobretensão) e usar um conversor para secadores de cabelo e ferramentas quentes.
  • VPN: sites de mídia social como Facebook e Instagram estão bloqueados na China. Você também não poderá acessar seu Gmail ou confiar no Google Maps para se locomover. Para contornar essas restrições, verifique se você possui uma VPN instalada em seu laptop e telefone antes de chegar.
  • Segurança: para a maioria dos visitantes, a China continua sendo um país seguro. Pequenos crimes acontecem, mas não são comuns. Como outros destinos ao redor do mundo, a conscientização é fundamental.

Planeje antecipadamente um visto

A China exige que visitantes da maioria dos países tenham um visto de entrada. É melhor preparar sua inscrição pelo menos dois meses antes da sua viagem. 

visto-chines

Quando visitar a China

A China no verão é nublada e sufocante, e a umidade pode ser insuportável, mas turistas chineses e estrangeiros usam seus preciosos dias de férias no verão para lotar os pontos turísticos. Considere visitar a China no período de entressafra, no final de outubro a março.

Onde Visitar

Para sua primeira viagem à China, os destinos turísticos mais recomendados são Pequim, Xangai, Xi’an e Guilin. Diferentes regiões têm diferentes condições climáticas e atrações ao longo do ano, portanto, verifique com antecedência!

Nas regiões de Xi’an e Shaanxi você pode ver o exército de terracota ou escalar e explorar o Monte Huashan.

Para uma experiência única e mais remota na China, você pode visitar a região de Qinghai. Com paisagens deslumbrantes, belos lagos e até montanhas, é um destino pouco povoado, perfeito para os amantes da natureza. Faz fronteira com o Tibete e tem uma população de 1 iaque para cada pessoa!

Língua

A barreira do idioma é o obstáculo número um a ser superado por um estrangeiro quando viaja para a China; portanto, pode ser útil aprender algumas frases no idioma. A China tem duas línguas principais, mandarim e cantonês (faladas principalmente em Hong Kong).

Enquanto o inglês está lentamente se tornando universal, especialmente nas cidades, muitos chineses não conseguem falar. Sugiro que você mantenha um cartão de visita em seu hotel para mostrar aos taxistas ou no caso de você se perder enquanto explora.

Dinheiro e pagamentos

Na China você terá uma certa dificuldade em fazer pagamentos com dinheiro. Sim, você leu certo. Por lá, o comum é realizar pagamentos com o celular com QR Code, portanto, se você está planejando ir para a China, sugiro baixar o aplicativo Alipay e colocar dinheiro nessa carteira digital, pois a maioria dos lugares não aceitam pagamentos em dinheiro.

pagamentos-com-alipay

Censura

redes-sociais-na-china

O governo chinês censura tudo, da mídia à internet, para que você não possa acessar sites como o Facebook e o Instagram.

É seguro assumir que você não poderá acessar seus sites favoritos nem mesmo enviar e-mails às vezes. Se esse é um grande problema para você, certifique-se de ter um VPN no seu telefone e computador antes de sair – apenas verifique se o provedor de serviços não está bloqueado na China.

O mais comum é o ExpressVPN, mas existem outros que você pode baixar e usar.

Choque cultural

Os estilos de vida chineses são muito diferentes dos da maioria dos ocidentais; portanto, tente ler as tradições e etiquetas praticadas na região em que você está viajando antes de partir.

Nas grandes cidades, a China sofre com tráfego intenso e poluição, e muitas pessoas usam máscaras cirúrgicas para proteger seus pulmões. Prepare-se para os banheiros – muitos são banheiros agachados sem papel. Sugiro que você leve seu próprio papel e desinfetante para as mãos!

Quando se trata de vendedores ambulantes, é perfeitamente aceitável negociar preços. Dito isto, se você não planeja comprar nada, não pergunte sobre preço, porque, se o fizer, os fornecedores poderão segui-lo um pouco.

Você pode ser a atração turística

Esteja ciente de que fora das principais cidades como Pequim e Xangai, os habitantes locais não estão acostumados a ver ocidentais. Você pode achar que as pessoas olham para você e até tiram fotos de você – sorria bonito!

Não leve para o lado pessoal, pois a maioria das pessoas é curiosa. Seja educado com estranhos, mas, como em qualquer lugar, mantenha sua inteligência e cuidado.

Permanecendo Saudável

A poluição é um problema real na China, especialmente se você tiver problemas de saúde respiratória. Se você é sensível ao ar, tente ficar de fora das grandes cidades ou use uma máscara para ajudar.

Mantendo-se segura na China

Em geral, o povo chinês tem uma opinião favorável dos ocidentais, e o crime contra estrangeiros é extremamente raro na China. Como em qualquer cidade grande, o risco de furto é uma possibilidade, mas, além disso, o pior que pode acontecer é que você seja cobrado em excesso por itens de vendedores ambulantes. Apenas fique atento ao seu entorno, não fique bêbada em público.

Descubra: O que fazer e onde ir em Beijing (Pequim), na China (4 dias)

Gostou desse post? Pin it!

dicas que voce precisa saber antes de ir pra china

11 dicas para sua primeira viagem à China




Você também vai gostar

Comente com o seu perfil do Facebook:

Sem Comentários

Comentários