Óleo facial: o que é e quais os benefícios para a pele? | We Fashion Trends
Beleza Pele Produtos de Beleza Tratamentos de beleza

Óleo facial: o que é e quais os benefícios para a pele?

20 de fevereiro de 2020

oleo-facial-como-usar

Existem diversos tipos de óleos faciais. Eles têm vários benefícios para a sua pele, por isso, apresentamos as razões pelas quais você deve introduzir um óleo na sua rotina de cuidados faciais.

Existem muitas notícias falsas sobre os óleos faciais e seus usos. Estamos cansadas de ouvir que eles não são adequados para peles oleosas e que podem causar espinhas, no entanto, a oferta que encontramos desses produtos não para de crescer.
Bem, neste artigo, resolveremos todas as dúvidas que você possa ter sobre esses tipos de óleos, explicamos as diferenças entre eles e explicamos as razões pelas quais você deve adicionar um óleo em sua rotina facial.

O que é o óleo facial e para que serve?

oleo-facial-pele-beneficios

Muitas mulheres no mundo todo têm caído nas graças do óleo facial, é um item obrigatório na nécessaire das apaixonadas pelo mundo da beleza e todas aquelas mulheres que querem para cuidar de sua pele da melhor maneira possível.

Muitas mulheres relutam em usar óleos faciais por medo de deixar um brilho indesejado ou causar distúrbios da pele, como espinhas ou cravos. A realidade é que todos os tipos de pele podem usar óleos, basta saber usá-los para que se tornem um gesto essencial para o cuidado da pele.

Tipos de óleos faciais

tipos-de-oleo-facial

Antes de falar sobre por que você deve investir nesse tratamento, queremos dizer que tipo de óleos faciais existem e qual é o mais adequado para cada tipo de pele. 

  • Óleos vegetais: são os óleos provenientes do reino vegetal. Estes podem ser usados puramente e são mais recomendados para a pele seca. No entanto, sempre use em combinação com soros ou cremes que contenham água em sua formulação para garantir que a pele seja hidratada e nutrida de maneira equilibrada.
  • Óleos essenciais: são os óleos produzidos pela destilação de plantas aromáticas; no processo, a “água da planta” é separada do seu óleo. Eles contêm uma composição química muito complexa e são capazes de penetrar na corrente sanguínea. Eles têm qualidades de cura bibliográficas comprovadas e é por isso que você não deve aplicar direto na pele, apenas diluídos e de acordo com as instruções de um especialista.
  • Óleos sintéticos: são todos aqueles que não têm origem natural e que, por sua vez, são divididos em bio-idênticos naturais, nos quais as moléculas são idênticas às naturais e nem a pele pode distingui-las e as derivadas do petróleo.

Razões pelas quais você deve adicionar um óleo facial à sua bolsa

oleos-faciais-como-usar-tipos-pele

A pele é composta por 20% de água e 80% de lipídios, razão pela qual conservar essas escamas se torna uma prioridade no tratamento correto. Um óleo facial não apenas fornecerá nutrientes para a pele, mas também ajudará o tratamento subsequente a penetrar mais na derme para obter maior eficácia.

Em relação à maneira de usar, você tem várias opções. Você pode aplicá-lo antes do creme facial de manhã e à noite ou pode misturá-lo com ele para obter maior eficácia. Além disso, você também pode usá-lo com a maquiagem, para deixar a pele mais nutrida.

Como usar óleo facial

como-usar-oleo-facial-na-pele

1) A maneira usual de usá-lo é aplicar algumas gotas de produto nas mãos, espalhando-as sobre a pele, massageando-as até serem completamente absorvidas, sozinhas ou em combinação com hidratantes para intensificar seu efeito e ajudar a melhorar a retenção de água na pele.

2) Um truque para dar suavidade e elasticidade à pele é espalhar algumas gotas de óleo facial com azeite antes de aplicar a máscara facial para melhorar seus efeitos, além de garantir um anti-envelhecimento extra graças à contribuição das vitaminas E e K.

3) Na maquiagem, é um produto fantástico e muito versátil. Para dar um toque de brilho à maquiagem, deixando a pele mais suculenta e bonita, basta adicionar uma ou duas gotas de óleo facial à base antes de aplicá-la ou colocar as gotas nas mãos bem distribuídas e, uma vez que a maquiagem do rosto estiver pronta, faça pequenas pressões sobre a pele para dar mais luminosidade. Também funciona muito bem aplicado como primer antes da maquiagem ou mesmo para aplicar em utensílios como pincel ou esponjas de maquiagem.

4) É o toque perfeito para trazer pontos de luz para o rosto, aplicando uma pequena quantidade de óleo nos dedos e depositando-o levemente em pontos de luz, como o arco da sobrancelha ou a parte superior das maçãs do rosto.

5) Como pré-base dos lábios, especialmente antes de aplicar um batom fosco, ajuda a preparar a pele do lábio, hidratando-o e impedindo-o de secar e rachar, acumulando o pigmento do batom nas dobras.

6) Um segredo de beleza muito interessante é colocar algumas gotas de óleo facial no pescoço e no decote (e até nos pulsos), antes de borrifar o perfume para ajudar a segurar o aroma por mais tempo.

Benefícios além da hidratação

oleos-faciais

Os óleos faciais bem formulados não deixam resíduos após serem massageados na pele, para que todos os tipos de pele possam se beneficiar de seus efeitos. Na pele seca e madura, um óleo facial enriquecido com azeite de oliva garantirá ótima hidratação e conforto, enquanto na pele mista e oleosa, ajudará a regular a produção de sebo, proporcionando suavidade e elasticidade à pele.

O fato de aplicar um óleo facial na pele que tem como ingrediente o precioso azeite de oliva, além de promover a hidratação e combater a secura da pele, também ajuda a reparar tecidos danificados, ajudando a tratar cicatrizes e marcas de acne. Além disso, é um dos melhores suplementos antienvelhecimento que existem graças ao seu conteúdo em ácidos graxos e antioxidantes naturais.

O óleo facial é a chave para manter a pele jovem e saudável, combater o envelhecimento precoce e também usar maquiagem impecável e uma pele brilhante e bem cuidada. 

Os melhores óleos para a pele do seu rosto

Cada tipo de óleo promove uma eficácia na sua pele, e nós te apresentamos os óleos faciais mais comuns para aplicar na pele.

Óleo de calêndula

Você deve saber que a calêndula (Calendula officinalis) se destaca como um poderoso regenerador de tecidos da pele. Portanto, se houver alguma marca no rosto (como as cicatrizes de uma acne adolescente que deixou uma marca ou as típicas marquinhas de catapora), o óleo essencial de calêndula pode ajudá-la a desfocá-las e mostrar uma pele lisa e macia com textura e livre de imperfeições.

Óleo de lavanda

A lavanda (Lavandula officinalis) é um dos arbustos mais utilizados na produção de óleos essenciais por sua versatilidade. O óleo de lavanda, considerado por muitos o rei dos óleos essenciais, é conhecido por seu efeito calmante e balsâmico na pele e por ser o responsável por ajudar na regeneração dos tecidos da pele. É o melhor aliado nos casos de trauma de pele que precisamos regenerar rapidamente.

Óleo de alecrim

O alecrim (Rosmarinus officinalis L.) possui propriedades anti-sépticas e calmantes; portanto, seu óleo essencial será ideal para dar elasticidade, frescura e brilho à nossa pele, regulando o excesso de sebo. Outra das propriedades deste precioso óleo de aroma agradável (amplamente utilizado na aromaterapia) é sua alta capacidade regenerativa das células da pele, promovendo processos de cicatrização.

Óleo de camomila

O óleo de camomila (Chamaemelum nobile) é um excelente produto para a pele inflamada e / ou irritada. Suas propriedades anti-inflamatórias são adicionadas ao fato de ser considerado um potente anti-séptico, antibiótico, tônico e bactericida nas condições mais comuns da pele (acne, erupções cutâneas, eczema, dermatite leve, feridas superficiais …). É um óleo essencial altamente indicado para quem sofre de pele sensível.

Outros óleos para a pele

Além dos óleos que mencionamos acima, você também deve conhecer outros óleos naturais com propriedades benéficas em sua derme (lembre-se de que não deve aplicá-los diretamente porque podem ser irritantes, você pode procurar produtos que tenham eles em sua fórmulas):

  • O óleo de coco: Na pele tem propriedades tonificantes, suavizantes e hidratantes, muitos usam o óleo de coco para reduzir as rugas. Também é indicado para peles com tendência a acne. Seu aroma é poderoso e bastante particular … ou você o ama ou odeia!
  • Óleo de melaleuca: Este óleo, conhecido por muitas famílias como tratamento preventivo para os piolhos dos pequenos em casa (misturando algumas gotas com o shampoo habitual), também tem efeitos positivos na pele: é antibacteriano e desinfetante, podendo ser útil em casos de condições bacterianas.
  • óleo de limão: É geralmente usado para desfocar pequenas manchas, devido às propriedades de branqueamento dos citros.
  • óleo de hortelã: É utilizado na preparação de produtos de limpeza facial ou demaquilante natural, devido à frescura que confere à derme. Também é uma boa solução para a pele oleosa, atuando como um regulador sebáceo.
  • Óleo de amêndoa doce: Poderoso hidratante e nutritivo, é um óleo rico em vitaminas e antioxidantes naturais. É adequado para todos os tipos de pele.
  • óleo de jojobaExerce uma dupla função na derme: por um lado, ajuda a controlar a gordura da pele e, por outro, contém vitamina E, o que o torna um bom tratamento contra o envelhecimento precoce.
  • óleo de argan: O óleo de argan, também conhecido como ouro do deserto, é amplamente usado em dermocosméticos por suas propriedades hidratantes e antioxidantes. Também é eficaz contra o envelhecimento, proporcionando elasticidade e bom tom ao rosto.
  • Óleo de Rosa Mosqueta: Bem conhecido por seu efeito regenerador e emoliente, geralmente é usado principalmente nos processos de cicatrização da derme. O óleo de rosa mosqueta no rosto também atua como antioxidante e antienvelhecimento.
  • óleo de jasmim: Conhecida por seu aroma poderoso e sedutor, a flor de jasmim é usada em perfumes, loções, sabonetes ou xampus. No nível da pele, é usado como um agente calmante no tratamento de complicações leves, como dermatite, eczema ou desidratação.

Veja mais: Tipos de argila e seus benefícios para a pele do rosto e corpo

Como aplicar o óleo no rosto?

oleo-para-cabelos-frizz

Se você já decidiu usar óleos faciais para cuidar da sua pele diariamente e está convencida de todos os benefícios que trarão à sua pele, contamos alguns truques sobre sua aplicação.

  • Em que ordem eu incluo óleo facial? Como já indicamos no guia para cuidar da pele facial, os produtos que aplicaremos primeiro são os de textura mais clara e suave, deixamos os mais densos ou mais pesados por último. Se você fizer o contrário, entupirá os poros e não permitirá que o restante dos produtos faça seu trabalho.
  • Posso usá-lo amanhã e noite? Sempre siga as instruções do fabricante. Existem óleos mais leves que você pode aplicar pela manhã e à noite e outros mais densos que só podem ser aplicado à noite.
  • Quanto devo aplicar? O óleo facial deve ser aplicado no rosto em pequenas quantidades, para ver como a pele o absorve. Aconselhamos que você o estenda com os dedos das mãos com uma massagem ascendente suave (de baixo para cima), que ao mesmo tempo ativará a circulação sanguínea.
  • Algumas pessoas, em vez de aplicar o óleo isoladamente, preferem misturar algumas gotas com o produto hidratante habitual (creme, soro, loção, gel …).
  • E depois do óleo facial? Sempre, sempre, considere a proteção solar para evitar queimaduras ou outros problemas derivados, como o aparecimento de manchas.

Agora que você conhece as maravilhas dos óleos presentes na pele, recomendamos que, se você ainda não o fez, comece a usar na sua rotina de beleza, temos certeza de que você vai amar!

pinterest

como-usar-oleo-facial




Você também vai gostar

Comente com o seu perfil do Facebook:

Sem Comentários

Comentários