Reiki: o que é, como se pratica e que benefícios traz - We Fashion Trends
Bem-Estar

Reiki: o que é, como se pratica e que benefícios traz

25 de janeiro de 2023

Reiki

Reiki: Com certeza você já recebeu alguma vez, você ou alguém que você conhece, mas saberia explicar? Relaxe, aqui contamos tudo sobre a terapia da moda.

Existem atividades ditas “energéticas”, “cósmicas” ou “espirituais” acessíveis e compreensíveis, como o yoga, por exemplo, e outras mais difíceis de explicar, como a meditação ou, neste caso, o Reiki, uma ferramenta que pertence a uma série de terapias alternativas, entre as quais também estão o shiatsu, por exemplo, a homeopatia ou a acupuntura, e que vale a pena aprofundar.

Para entender esta atividade em todas as suas dimensões, vamos explicar tudo perfeitamente. Porque quando se trata de explicar a energia cósmica, e como o corpo e a mente podem se beneficiar dela, é necessário tornar suas coordenadas tangíveis. Ou pelo menos tente.

O que é Reiki?

A definição mais prática que encontramos é que o Reiki é uma das milhares de ferramentas que o ser humano possui, não só para melhorar sua qualidade de vida e bem-estar, mas também para curar. Todos nós temos feridas que merecem uma revisão, principalmente se não nos deixam seguir em frente. Todos nós podemos nos curar ou curar os outros. Curar significa reconhecer uma emoção, ouvir, ter empatia… E para isso você pode usar suas mãos, sua voz, seus sentidos, sua profunda sensibilidade.

Outra definição, um pouco mais acadêmica, seria que o Reiki é uma técnica japonesa que consiste na transferência de energia através da imposição das mãos. É um método muito antigo, universalizado pelo nobre japonês Mikao Usui, que estudou várias vezes até encontrar uma maneira de restaurar a saúde das pessoas em um momento da história (final do século 19 e início do século 20) em que o verbo ‘curar’ era apenas relacionados ao aspecto físico.

Podemos dizer que é a energia do amor que ajuda no desenvolvimento pessoal. Primeiro, deve-se trabalhar o amor a nós mesmos e ao próximo. O que diferencia essa técnica das demais é que é preciso abrir canais de energia, por meio de iniciações, para as quais um Mestre o auxilia, que tem a capacidade de preparar outras pessoas para abrir seus canais de energia. E então o cliente, ou “destinatário”, recebe a imposição de mãos nos chakras.

E por que a imposição de mãos? porque é uma energia de amor, por isso quando você coloca as mãos em outra pessoa (não há necessidade de fazer contato) e canaliza a força dessa energia, os bloqueios desaparecem. E atua harmonizando todos os aspectos do nosso ser: físico e espiritual, fazendo uso da energia universal.

Terapeutas de Reiki

Sobre a formação de terapeutas há muita controvérsia. Alguns dizem que com um dia de “iniciação” com os Mestres você está pronto para praticar Reiki em outras pessoas. No entanto, a Federação Europeia de Reiki tem uma forma diferente de trabalhar: eles têm que passar por pelo menos 6 meses de treinamento. “É a filmagem mínima para um aluno ganhar experiência: é preciso paciência, tenacidade e prática até adquirir habilidade e um mínimo de experiência”, explica Víctor Fernández, presidente da Federação Europeia de Reiki Profissional (FERP) e diretor da Comissão de Reiki da COFENAT (Associação Nacional dos Profissionais e Autônomos de Terapias Naturais).

Na Federação, eles se baseiam no talentoso aluno de Usui, um médico naval chamado Hayashi Sensei, que começou a experimentar o Reiki em terapias para curar doenças físicas. “Ele soube direcionar a mística do Reiki para um aspecto mais terapêutico e prático, desenvolvendo seu próprio e inédito sistema de posições das mãos”, afirma Víctor Fernández.

Os sete chakras

Os chakras são rodas de energia, como engrenagens, e embora os especialistas digam que existem mais de 80.000 mini-chakras, estes são os principais. Cada um regula uma função espiritual, e são os sete lugares que o terapeuta de Reiki afeta ao abordar a imposição das mãos para transferir energia:

  1. Raiz. Fica na base dos órgãos genitais, no períneo. Localiza-se, em ambos os sexos, entre os órgãos genitais e o ânus. Nela está a energia da terra, e está relacionada com a cor vermelha.
  2. Sacral. É um pouco mais alto, abaixo do umbigo, e rege a reprodução e o prazer. Seu elemento é a água, e sua cor, o laranja, também se equilibra com massagens ou com a ação do sol.
  3. Plexo solar. Está acima do umbigo, em direção ao estômago, e governa o intelecto e a autodisciplina. Sua cor é o amarelo e seu elemento é o fogo.
  4. Coração. Está localizado dentro do peito, no meio da linha que vai de mamilo a mamilo, no esterno, atrás está o timo, rege nossas emoções, nutrição espiritual e a capacidade de amar e desenvolver a compaixão. Seu elemento é o ar e a cor é o verde.
  5. Garganta. Está localizado na garganta, mas também representa os pulmões e o ouvido. É o da comunicação e da sabedoria. Quando tudo o que se deseja não é expresso, fecha-se. Seu elemento é o éter e sua cor é o azul.
  6. Terceiro olho. Fica entre as sobrancelhas e tem a ver com a intuição. Sua cor é o índigo (azul índigo, entre o azul e o roxo), e seu elemento, a luz. Além do Reiki, a meditação e as visualizações também o equilibram.
  7. Coroa. Acima, na fontanela, naquela área que os recém-nascidos ainda têm mole. Governa o equilíbrio de todo o organismo, físico e mental. Sua cor é o branco, e o meio, o espaço. Valorize o contato com a natureza.

O objetivo do Reiki é ter todos os chakras abertos, alinhados e conectados, por isso são concebidos como engrenagens que se encaixam.

Veja também: Chakras: conheça os 7 principais, cores e para que servem

Benefícios de receber Reiki

Quem experimentou diz que depois de um tempo após o término da sessão, sente como se tivesse literalmente recarregado as baterias, e que a partir de então deixou de se sentir tão cansado como sempre foi. As sessões duram normalmente cerca de 45 minutos, que geralmente se distribuem entre um período de preparação do corpo e uma imposição das mãos sobre cada chakra por cerca de três minutos. A pessoa que o recebe sente um relaxamento profundo, como se estivesse em meditação”.

Um dos principais benefícios do Reiki é o fortalecimento do sistema imunológico. Além disso, purifica e elimina toxinas do corpo, alivia o estresse, melhora a criatividade, acelera o crescimento espiritual, desbloqueia centros de energia e harmoniza mente e corpo, emoções e espírito.

A razão é que dentro do corpo físico, com sua rede de meridianos, existe uma estrutura energética e elétrica. Para a medicina chinesa antiga, não há dúvida de que é assim. E, felizmente, a ciência está percebendo isso agora. Quando essa energia é perdida, por qualquer motivo, o Reiki é capaz de restaurar o equilíbrio e a harmonia do organismo. E a história é não se trata apenas de colocar as mãos (esta é apenas uma das muitas técnicas que o Reiki nos oferece), mas também de exercícios e dieta para recuperar energia.




Você também vai gostar

Comente com o seu perfil do Facebook:

Sem Comentários

Comentários

7 PERFUMES FEMININOS PARA TRABALHAR